Odeio!!!

Mudámos de edifício, juntámo-nos a outros dois grupos e há um dos novos colegas, que se senta à minha frente, que ao beber qualquer bebida faz sempre "hhhhhaaaaaa" a cada gole que dá... Não sei se isto faz de mim má pessoa mas irrita-me solenemente!


Que uma pessoa ao engolir faça barulho involuntário ou que se suspire quando a meio de um dia super atarefado conseguimos sentar e beber alguma coisa tudo bem! Mas agora a cada golo, dá-me vontade de lhe cortar o pio!



Fora isso é super desorganizado, nunca nos informa do que encomenda então andamos sempre a encomendar coisas em duplicado ou a fazer coisas a dobrar sem necessidade...



Outro meu colega passa a vida a mentir e omitir coisas, o que também não ajuda muito.



Somos uma equipa de técnicos de investigação, devíamos estar unidos, em sintonia. Eu e outras três colegas estamos, o que mente também nos apoia e até faz as coisas mas o outro ainda desfaz o que fizemos...



Vai ser engraçado...

Murais por toda a cidade


Segundo dia em Glasgow e primeiro dia de formação, correu bem, a minha química afinal não estava assim tão esquecida como achava...
Saindo de lá fui tomar um café para planear o roteiro dos restantes murais, adorei, valeu mesmo muito a pena.
Para acabar em grande fui experimentar o Nando's e acho que deu para matar a saudade...





Visitas boas!

Já me disseram que passamos a vida com visitas e eu respondo "ainda bem!"e "Obrigado" a quem tem vindo ver-nos.

A Ana e o Edgar já não são uns novatos em Amesterdão e gosto tanto de os ter cá. Vieram no feriado de 25 de Abril o que nos deu um fim-de-semana prolongado para pormos a conversa em dia.

Estiveram uns dias meio bipolares, com chuva e sol mas deu para aproveitar, fomos ao Keukenhof e foi hilariante tentar sair de lá porque há uma parada no fecho do parque, e nós a tentar ir para casa e todas as ruas fechadas, tivemos de ir dar uma grande volta mas lá conseguimos.

Tivemos excelentes jantares, com vistas deslumbrantes, pequenos almoços demorados, almoços tardios, porque quando estamos com amigos o que importa é aproveitar o momento e o tempo que eles cá estão, então fizemos tudo na boa,nas calmas, com muita tagarelice pelo meio.

Tenho muitas saudades deles,mas ficou a promessa que voltarão com os miúdos, de quem também morro de saudades!

Mal posso esperar pela próxima visita :D

Beijos enormes e em breve voltamos a ver-nos...




Primeiro dia em Glasgow

Chegando a Glasgow achei a cidade muito gira e estava excelente tempo.

Entretanto contactei com a realidade do sistema de transportes que é muito diferente do que estou habituada, para comprar passe de uma semana na estação central tinha de ter foto, mas podia comprar no autocarro. 
No autocarro apenas aceitam valor exacto pois o dinheiro cai para um cofre inacessível ao condutor e eu tinha acabado de chegar, logo não tinha trocos. Lá fui trocar dinheiro ao supermercado e consegui chegar ao hotel.
Fui dar uma volta, passei pela catedral, visitei a necropolis que vale muito a pena e comecei a fazer o percurso dos murais da cidade.

Conselho: se eu soubesse o que sei hoje tinha apenas comprado o bilhete de dia no primeiro dia. Depois disso fiz quase tudo a pé.



Super simpática!

Ia eu a caminho de casa de uma colega em Nijmegen e ao chegar à cidade fiquei sem bateria, logo sem GPS mas lembrava-me que ela disse que a casa era perto da estação central e consegui decorar a morada (bendita memória). Decidi então dirigir-me para o centro, seguir as indicações até à estação central e aí perguntar onde era a tal rua.

Assim fiz, decidi perguntar a uma senhora que tinha acabado de estacionar o carro se conhecia a tal rua. Expliquei que tinha ficado sem bateria e que apenas sabia que estava perto. A senhora super simpática diz para eu entrar no meu carro e seguir o carro dela que ela me levava até lá... Fiquei estupefacta! Agradeci mil vezes e lá fomos, quando chegámos ela fez 4 piscas, eu retribui com sinais de luzes como forma de agradecimento e voltou a reacender-se a esperança nas pessoas de boa fé.

Foi mesmo muito simpática, obrigada senhora do Volvo com matrícula alemã!


Por-mo-nos na posição do outro é de facto apaziguador!

Voltamos ao que me põe os nervos em franja, já vos tinha falado aqui do serviço ao cliente na Holanda, que é muito bipolar mas no geral é mau ou inexistente.
A máquina da Nespresso avariou com apenas 5 meses, liguei, marquei para virem buscar a máquina hoje, depois das 17h, porque a essa hora já estaria em casa.
Hoje, às 16h12, recebi uma mensagem a dizer que estariam cá em casa às 16h35, o que para mim era impossível. Quando cheguei a casa vi que enviaram um e-mail às 13h30 a dizer que mudaram o horário para o turno das 12h às 17h. Ora se eu marquei um horário foi porque precisava desse em específico, se querem mudar têm de ligar e verificar com a pessoa se pode ser, até porque nem sempre consigo ver os meus mails pessoais e afins.

Decidi ligar a reclamar com a situação e a senhora que me atendeu nunca me deixou acabar as minhas frases falando sempre por cima de mim. Parecia uma cassete a dizer "mandámos mail", e eu a (tentar) explicar que eu trabalho e não posso mudar assim os horários. Ela sempre a atropelar-me e basicamente a dizer-me "azar o teu", fora a asneira que ainda disse lá no meio e desligou-me o telefone na cara.
Acho piamente que a senhora que me atendeu não percebe, e nunca vai perceber, que bastava ter pedido desculpa pela situação mas, de facto, são os procedimentos que tem e que a única solução era remarcar para amanhã. Eu até cheguei a dizer "fora não me deixar falar nem sequer pede desculpa pelo ocorrido" e foi depois disto que ela achou que cereja no topo do bolo era mesmo desligar-me o telefone na cara.
Claro que foi reclamação para a empresa que presta o serviço e para a Nespresso, porque espero mais deles e acho que devem saber o que se passa nas empresas que contratam.

Não sei se por ter trabalhado com público muitos anos mas estas coisas fazem-me confusão, eu era uma boa gestora de reclamações, adorava clientes chateados e percebia que muitas vezes tinham razão. Um pedido de desculpa e explicar que não podemos fazer mais do que sugerimos é o suficiente (a maioria das vezes), por-mo-nos na posição do outro é de facto apaziguador.

Eu percebo que ela não possa fazer mais nada, mas será assim tão difícil perceber que, se ligamos aborrecidos, falar por cima do cliente, dizer temos pena e desligar o telefone na cara não fará com que o cliente fique satisfeito????

Este era o meu estado de espírito depois da chamada!

Revolta-me!

Vi esta notícia e quando cheguei ao fim fiquei chocada com a afirmação “As células eucarióticas, por definição, são células que têm uma mitocôndria” e isto revolta-me!
Fui ver o artigo original porque podia ser um erro de tradução, mas não!

Mas isto é errado, eucariota significa literalmente verdadeiro (eu) núcleo (kariota) e esta senhora diz que o que define eucariotas é a existência de mitocôndrias???? Sério???
Sim claro que eucariotas também têm outros organelos, nomeadamente mitocôndrias, mas o que soa é que se se encontrar uma célula sem outro tipo de organelo mas com mitocôndrias então tudo bem...

Sou só eu que se irrita com a falta de cuidado com o que se diz e escreve no que toca a termos científicos????
Não vos revolta ver pessoas a incorrer em erros graves nas vossas áreas?

Sem descreditar os dados e o artigo que são sem dúvida relevantes, mas não era preciso fazer afirmações tendenciosas para se vender melhor a ideia!


Viagem de negócios...

Vou na minha primeira viagem não recreativa, visto que tenho de me envolver numa área de análise diferente do que estou habituada e dada a sua complexidade decidi fazer uma formação.
Aprovado pelo boss e lá vou eu para Glasgow, ainda vai dar para aproveitar no dia antes da formação e o dia depois por isso é meio trabalho e meio lazer.

É também a primeira vez que não planei uma viagem, não sei o que fazer mas vou descobrir quando chegar...
Espera-se bom tempo e espero que seja giro e produtivo...

Praia!!

Têm estado uns dias de Verão por estes lados e nós temos tirado o maior proveito do carro novo!
Quinta foi feriado e fomos até à praia com uns amigos, sexta tivemos os dois de folga e fomos novamente à praia.
Sabe mesmo muito bem ir à praia, ter carro é sem dúvida uma mais valia, desde que o comprámos já fomos quatro vezes até à praia apesar de só duas terem sido para fazer praia.

Adoro praia, é dos meus sítios preferidos faça chuva ou sol, seja dia ou noite,adoro e tinha imensas saudades!!

Vamos ver quanto tempo duram estes dias fantásticos, mas tem sabido bem porque até as noites estão super agradáveis!




Instagram Ricardo


Caril de frango

Adoro caril de frango! Adoro caril, desde que não seja picante...
Decidi adaptar e em vez de usar leite de coco que é muito calórico optei por iogurte magro mas acho que devia ter optado por iogurte grego magro (para ficar mais cremoso).

Receita:

-Temperar o frango, cortado em cubos, com sal, pimenta e um bocado de iogurte, pelo menos uma hora antes de cozinhar.
-Fazer um refogado ligeiro com cebola, alho e louro.
-Adicionar caril a gosto (pus +/- 3 colheres de sopa), 1 colhe de chá de canela, 1 colher de sopa de pimentão doce em pó e mexer bem.
-Adicionar a carne e deixar cozinha até estar tenra. Caso a carne solte muita água deixe estar em lume alto para evaporar.
- No final junte iogurte e ajuste os temperos a gosto.

O iogurte deixa a carne mais macia por causa da sua acidez, pode fazer uma marinada, uma hora ou mais.

Para a próxima acho que junto uma manga ou ananás ;)

imagem retirada da internet

Mãe

Ser mãe não deve ser fácil, acho que muitas vezes ficam com papel de "má" enquanto crescemos porque são exigentes, dizem que não, evitamos pedir coisas a elas recorrendo muitas vezes aos pais porque eles costumam ser mais brandos.
Um dia crescemos e percebemos que o papel de "má" foi crucial no nosso desenvolvimento como pessoa, que até para elas deve ter sido difícil, que às vezes não demos o devido crédito mas isso também faz parte do nosso crescimento.

Mães também falham, choram, ficam cansadas, são seres humanos, mas com tudo o que fazem, pelo menos a maioria das que tive gosto em conhecer e as nossas em particular, são umas super mães!

A todas as super mães por aí fora e em especial à minha e à do Ricardo, por tudo o que fizeram até hoje. Esperamos conseguir retribuir em concordância.

Gostamos muito de vocês ^_^