Vondelpark em vídeo

Se já leram a nossa tag "o que fazer em Amesterdão" e/ou "Dicas" devem saber que o Vondelpark é, sem dúvida, um sítio de passagem obrigatório.
É um género de central park a uma escala mais pequena, para uma cidade mais pequena. É um dos muitos parques que se encontram espalhados pela cidade, é um dos mais movimentados.

Vejam se vale ou não a pena visitar...


À terceira é de vez?

Fiz a 3a inseminação dia 3 de Abril, esperma em quantidade e qualidade (yay), mas doeu que se fartou. Provavelmente porque a bexiga estava cheia mas não dolorosamente cheia e aparentemente tem de ser mesmo mesmo cheia porque faz com que o útero fique super direitinho e desta vez, mesmo no fim do útero, estava ligeiramente curvado e o cateter raspou ali e doeu!! Doeu mesmo!

Doeu o espéculo (como sempre), doeu o cateter, ficou a doer algum tempo depois, doeu cada vez que passava de bicicleta nalguma irregularidade da estrada mas passou, cheguei a casa, estive com o Ricardo, fiz pilates e alongamentos e continuamos optimistas!

Dia 19 de Abril, o período não veio. Vou à clínica fazer análise ao sangue e, contrariamente ao que eu esperava e ao que outras pessoas esperavam, estava calma e tranquila. Até me disseram que eu estava era em negação, estava anormalmente calma.

Tira sangue, enfermeira impecável que teve paciência com esta paniquenta das agulhas, vai para o trabalho e espera pela chamada.
13h40- É para lhe dizer o que o resultado é mesmo bom. A hormona está num nível mesmo mesmo mesmo bom.

Claro que chorei, o meu colega até ficou preocupado porque eu nem conseguia falar e quando consegui balbuciar o que se passava deu-me um grande abraço e até ele quase chorou.
Liguei logo ao Ricardo, que ficou em êxtase, depois liguei à minha mãe, irmã e pai e no dia a seguir dissemos em directo via skype aos pais do Ricardo, claro que o pai dele nem disse mais nada de tão choroso.

Estou de 13 semanas, depois de alguns sustos, vieram normais. Até agora temos um feto saudável :D

Bem-vindo Verão

Primeiro dia de Verão e contrariamente ao ano passado, este ano está calor. Trinta graus para estes lados é mesmo muito calor, a humidade é terrível e torna o calor abafado, à noite por vezes arrefece. Mas o Verão chegou e eu estou contente, os dias estão enormes e solarengos... Vamos aproveitar!




Incêndio destruidor

O cenário é chocante, os números de mortos, feridos e desalojados cresceu e os fogos ainda não estão extintos.
Ainda agora começou o Verão e já está um caos!!
Ajudem como puderem, ques está perto pode levar aos bombeiros água, sumos, leite, barras de cereais, enlatados, bolachas, bens de longa validade e sempre que for possível em embalagens individuais. Para quem está longe pode transferir verbas para algumas contas solidárias.


Porque não é só em Portugal

Há coisas que achamos que só acontecem em Portugal. Desde que estou na Holanda e principalmente neste último ano e meio apercebi-me que há coisas que acontecem em todo o lado.

Estamos num edifício novo, lindo, onde nos sentamos em cadeiras de 500€ porque têm design xpto mas depois as maçanetas de alguns tipos de porta estão sempre a ficar-nos na mão.
Ainda não temos gás canalizado para trabalhar, andamos a trabalhar com camping gás, apesar da instalação estar feita mas alguém se lembrou de furar os armários das botijas, deixando assim de ser à prova de fogo. Os armários vão ter de ser todos substituídos, em todos os andares, porque fizeram asneira em todos e só deram por isso depois.


A última foi comprar uma máquina que custa 250 mil Euros, pedir que adiassem a entrega 1 semana, levou a que no sistema ficasse adiada 1 mês. Lá conseguiram entrega antes, falhou a entrega então voltaram para trás com a máquina, disseram aos serviços centrais que, por sua vez não disseram a ninguém. Eu achei que ainda poderia ser entregue no dia seguinte porque por vezes demoram a processar encomendas, mas nada e o engenheiro veio instalar nada!

Hoje finalmente está cá a máquina a ser instalada mas isto tem sido uma novela...


Midtown Grill- Marriott Amsterdam

Fomos experimentar o Midtown Grill do hotel Marriott em Amesterdão. Supostamente tem dos melhores bifes da cidade. O Ricardo fez um menu carnívoro e eu decidi fica-me pelo peixe.

Entradas- Bolinhos de carangueijo para mim e Carpaccio para o Ricardo. Muito bom, eu não como carne crua nem rosa nem nada disso mas o Ricardo diz que estava e eu acredito. Os bolinhos de caranguejo estavam bons também, a maionese com ervas era boa e fresca.

Prato principal- Perca do mar para mim (era o peixe do dia) e Rib eye para o Ricardo. Peixe muito fresco, muito bem servido. O Ricardo adorou o Rib eye, acho que lhe faltava um bocadinho de sal mas ele rectificou no prato. A carne tinha um sabor muito bom (provei a ponta que estava melhor passada) e eles maturam a carne no restaurante, têm diferentes tipos de carne podendo escolher consoante o vosso gosto, os empregados ajudam no processo de selecção.

Sobremesa- já estávamos cheios, não estamos habituados a comer tanto e este jantar durou bastante tempo para irmos fazendo a digestão, mas tem sempre de haver espaço para a sobremesa. Eu pedi uma tarte de limão merengada e o Ricardo o rocky road. Sou uma pessoa muito crítica no que toca a sobremesas, era boa, melhor que a maioria que se come em alguns restaurantes mas a minha é muito melhor. A base não era crocante, o recheio apesar de saber a limão era um bocadinho doce demais e eu gosto da tarte com base crocante e recheio ligeiramente acídico mas o merengue estava perfeito. O rocky road que é um género de brownie com caramelo pecou pelo excesso de chocolate líquido em que veio, acho que um fio de caramelo para apresentação bastava, mas veio num banho de chocolate o que torna algo enjoativo. Os cafés estavam bem bons!
Um pormenor que para mim vale muito é que a carta das sobremesas é um postal, um postal a sério que se quisermos eles enviam para qualquer lado do mundo!! Os nossos pais já receberam e gostaram muito, é um mimo que vale muito e conta muito na minha satisfação.


Depois de tudo isto como cortesia ainda vêm marshmallows e uma fogueirinha para os tostar, adorei o pormenor e atenção ao pormenor.
O staff foi extremamente simpático e prestável, não se espera menos de um Marriott, mas em Amesterdão bom serviço não abunda.

A repetir, sem dúvida, mas para a próxima partilhamos 1 entrada e 1 sobremesa.

Rose's Cantina

A Joana tem sempre boas sugestões de restaurantes e cafés. Recentemente colocou na sua lista um restaurante mexicano em Amesterdão.

Ora a ida ao México já foi há uns largos tempos, mas a memória dos paladares está ainda bem presente. Fomos lá num dia de sol e calor decidindo ficar na esplanada.
Staff simpático e prestativo foi logo um ponto a favor, que aqui o serviço deixa muito a desejar.
Pedimos guacamole, mojito e gin para começar e estava muito bom!!! Depois provámos as quesadillas classicas, ceviche, enchilada de pollo e os Tacos Carnitas. Estava tudo bom mas no México são melhores, nos tacos faltaram os coentros picados frescos e o sabor não é igual ao que comemos lá. Faltam no menu as empanadas que eram fabulosas, devem ser fáceis de fazer até porque sendo pastéis que são fritos podem ser feitos previamente e congelados, tal como os nossos pastéis de massa tenra.
Ficou a vontade de voltar para uma tarde de petiscos porque, apesar de não ser exactamente igual, estava muito bom!!


Tens fome... bebe água!!!

Não sei se as vossas mães vos diziam isto mas a minha dizia, várias vezes. Principalmente quando tínhamos comido há pouco tempo. Dizia ela que muitas vezes as pessoas confundem fome com sede, claro que eu achava que era treta, agora sei que de facto pode acontecer.

Se bem que também é uma boa maneira de garantir que as crianças bebem água. Eu nunca fui muito fã de água quando era miúda, não que me dessem sumos mas houve ali uma altura em que decidi que não gostava de água e só bebia mesmo quando tinha sede.

Hoje em dia quem diz isso sou eu, por vezes o Ricardo diz que tem fome e eu digo-lhe que beba água, nem que seja porque sei perfeitamente que ele não ingere quantidade suficiente de água...


Inseminação 101

in·se·mi·na·ção 
substantivo feminino
1. Depósito do sémen do macho nas vias genitais da fêmea.


Segundo o dicionário inseminação- depósito do sémen nas vias genitais da fêmea.
É exactamente isso, mas de uma forma terrível.

Primeiro temos de estar com a bexiga cheia para o útero estar bem esticadinho e se conseguir colocar o sémen o mais fundo possível.

Segundo, acho que ninguém acha que um espéculo é algo de confortável, eu odeio, odeio mesmo, de ir às lágrimas.

Terceiro limpam o colo do útero com uma gaze, altamente desconfortável mas tem de ser.

Por fim colocam o cateter, que foi a única coisa que não senti porque é bem fininho.

O melhor mesmo é depois poder fazer xixi! Já me doía a bexiga de tão cheia.
Fez-se, não é agradável, dói, mas não é o fim do mundo (se bem que se me vissem pensariam que é, pela quantidade de palavrões, ais e lágrimas).

E depois, upa para a bicicleta fazer a vida normal...

E não resultou

E veio o período... Como estava sem dores até nem estava à espera, mas agarrei em mim e liguei para marcar o recomeço de novo tratamento.
Estava bem, fiz um dia normal, o Ricardo estava também de folga, fomos tomar pequeno-almoço fora e tudo...

Chegou à noite, estava cansada e decidi ir para a cama, comecei num pranto, uma parvoíce pegada!! Sabia que a probabilidade era baixa, que possivelmente teríamos um longo caminho pela frente, mas não consegui e explodi!! Apesar de tudo soube muito bem, saiu tudo, o acumular do stress e ansiedade e a tristeza de não ter sido bem sucedido...

Próxima etapa, aumentar um bocadinho a quantidade de hormonas para ter dois folículos em vez de um, para aumentar a probabilidade de sucesso... 



Dia da criança

Quero deixar aqui um feliz dia da criança a todos os que continuam a alimentar a criança que vive dentro de si.
Que nunca deixemos de encontrar beleza nas coisas pequenas, felicidade no banal e alegria nas coisas simples.

Neste dia é bom lembrar que ajudar uma criança está nas nossas mãos, nem precisamos de muito. Nós ajudamos uma criança em Moçambique por menos de 200€/ano, não custa nada para a maioria de nós e podemos dar um futuro risonho a uma criança!!! Nós ajudamos via a organização Um Pequeno Gesto. Como eles mencionam, um pequeno gesto pode ser uma grande ajuda.


1a IIU- a espera

Depois da inseminação temos de esperar 15 dias. Toda a gente diz "relaxa", "não penses nisso". Mas a verdade é que nós temos data e hora para tudo. Para ecos, inseminação, quanto tempo depois temos de ligar e lá voltar.

É impossível não pensar, não só se vai ser bem sucedido mas e se não for, será que para a próxima com mais hormonas consigo dois folículos (é o objectivo, 2 mas não mais). Será que é melhor que sejam dois de uma vez para não ter de repetir?! E com estas perguntas vêm preocupações, se forem dois a gravidez é mais arriscada.

Depois veio a questão de eu, que sempre quis ter uma menina, começar a pensar que o melhor era ter um menino porque ao menos não corria o risco de lhe passar endometriose. Eu sei que é parvo, claro que o que interessa é vir com saúde, mas é impossível não pensar que se for menino ao menos não terá este problema de certeza...

Isto deve ser por ser bióloga e andar a ler muitos artigos sobre o assunto... Devia parar de ler.


Adoro!!!

Adoro Verão, por poder ir à praia e à água e pela fantástica fruta desta época!
Melão, meloa, melancia, cerejas, morangos adoro tudo e aqui, em Amesterdão, o melhor sítio é ir aos turcos e marroquinos comprar fruta.
Cerejas boas como as do fundão, grandes, escuras, doces e rijas. Melão com sabor, morangos doces... Uma festa em formato de fruta, adoro arranjar esta fruta e ir para a praia!

Dia perfeito- praia, fruta boa e amor, muito amor...



Semana de sol e calor


Isto significa Verão!!! Sabem quem vai à praia??? Ah pois vou!!! E sim, temos de ter noção que muitos dias de sol e calor levam a pequenas trovoadas e alguma chuva mas acreditem 24 graus nesta terra é excelente, principalmente porque a humidade é elevada por isso aos 28graus é de morrer de calor húmido.

O pico do calor é pelas 15h o que faz com que seja ideal ir à praia ou depois das 16h ou de manhã cedo e almoçar por lá...

Finalmente uma semana decente nesta terra!! É que a brincar a brincar já estamos em Maio!!!

1a IIU, o processo

Desde já lamento o texto extenso...

Primeira consulta começa com eco para verificar os ovários e o útero. Tudo normal. Sigo para a farmácia para levantar as hormonas (GonalF para desenvolvimento folicular e Ovitrelle para estimulação da ovulação) . Da parte da tarde volto para a instrução de como injectar. Acreditem, é fácil, mas eu sou uma maricas e quase desmaiei duas vezes, mas dei!


Segundo dia e o maridão decidiu interferir e dar-me ele as injecções. Afinal uma relação é para o bom e para o mau e eu tenho o melhor marido do mundo, que me dá as injecções, leva comigo maricas e a reclamar com ele e mesmo assim continua a fazê-lo...



Ao sexto dia, depois de um fim-de-semana fora, onde até injecções no carro e em casas-de-banho foram dadas, o Ricardo decide tentar dar devagar e com calma em vez de rápido, porque me andava a aleijar imenso. E funcionou!! Não doeu quase nada...


Dia 8, eco em que tenho um folículo de 12mm. Dia 10 nova eco e o folículo cresceu para 17,5mm (como esperado, média de 2mm por dia) e no dia 11 foi a última injecção de GonalF pois apenas precisamos de um folículo com mais de 18mm. 

Verão holandês

Está a chegar, parece que sim... Mas o Verão por estes lados é muito diferente do de Portugal.
Ora hoje vão estar 27graus, com nuvens. É calor até porque depois fica também muito húmido. Amanhã e depois dão 16 graus com chuva e sexta volta o sol e temperaturas acima dos 20.

É sempre assim, uns dias acima dos 20 seguidos de uns dias abaixo e com chuva. Uns dias de sol, outros nublados. Mas o pior é que sendo uma cidade com muita água torna-se uma verdadeira aventura pedalar pelo meio dos enxames de mosquitos. Colam-se à roupa e entram pelo nariz, estatelam-se na nossa cara e olhos. Não fosse eu gostar tanto de uma temperatura assim agradável até me chateava mais mas, como os dias até estão de se andar com pouca roupa, passa...


A música ganhou no Sábado!!

Senti orgulho, sim! Não por termos ganho mas porque acho que ganhámos merecidamente!!! Havia tanta falta de talento, de voz, de noção que doeu. Sem dúvida que gostei de algumas músicas mesmo não percebendo uma palavra do que disseram...
Sim o Salvador não tem uma presença em palco grotesca, não é o estereótipo de ídolo pop, mas cantou com o coração, com sentimento. Muita gente me deu os parabéns e até houve quem disse que se comoveu ao ouvir, mesmo sem perceber metade.

No fim disto tudo gostei que tivesse cantado com a irmã no fim, afinal foi ela que compôs a música e, finalmente, teve um acesso de felicidade sem filtro estampado na cara do rapaz e braços e tudo e tudo...

video

Já pensei nisso mas não!

Várias vezes me passa pela cabeça escrever este blogue, também, em inglês. Iria chegar a mais pessoas, nomeadamente a alguns colegas e amigos cá. Mas na realidade este blogue começou pela minha vontade em partilhar os meus dias com os meus amigos e família.
Com o tempo fui também dando mais valor a escrever em português. Estar a morar num país em que se fala holandês mas em que eu falo inglês mas em casa  falamos português, torna-se um desafio linguístico constante. Há palavras que só saem em inglês, outras em holandês e outras em português. Então o blogue tem sido especialmente útil para tentar manter  um nível adequado de português e vos garanto que o priberam tem sido o meu maior aliado porque as dúvidas que por vezes eu tenho... Inacreditável!

Por isso continuarei a falar na minha língua materna, porque comecei o blogue para partilhar com os meus o dia-a-dia e porque me ajuda a manter um nível razoável de português. Nas duas línguas acho que não tinha paciência...


As maiores :)

Ser mãe não deve ser fácil, acho que muitas vezes ficam com papel de "má" enquanto crescemos porque são exigentes, dizem que não, evitamos pedir coisas a elas recorrendo muitas vezes aos pais porque eles costumam ser mais brandos.
Um dia crescemos e percebemos que o papel de "má" foi crucial no nosso desenvolvimento como pessoa, que até para elas deve ter sido difícil, que às vezes não demos o devido crédito mas isso também faz parte do nosso crescimento.

Mães também falham, choram, ficam cansadas, são seres humanos, mas com tudo o que fazem, pelo menos a maioria das que tive gosto em conhecer e as nossas em particular, são umas super mães!

A todas as super mães por aí fora e em especial à minha e à do Ricardo, por tudo o que fizeram até hoje. Esperamos conseguir retribuir em concordância.

Gostamos muito de vocês ^_^

Este post foi escrito há um ano mas é sempre actual.



Espermograma

Aqui por norma não fazem espermograma antes de começar um tratamento mas em Portugal, enquanto andei a ser seguida, foi-me recomendado o Ricardo fazer. Para despistar e porque já que eu andava a fazer tantos exames "vamos por o marido a trabalhar um bocadinho também".
Fez-se o exame e os resultados não foram ideais. Teratozoospermia (morfologia anormal de uma percentagem maior do que a normal, sim que ninguém tem todos os espermatozóides bonitos, perfeitos e móveis).
Voltando para a Holanda, levámos os resultados a uma das minhas consultas. Pediram um segundo exame (feito sensivelmente 1mês e meio depois do primeiro) e o resultado veio normal!

É normal haver variações, a alimentação influencia muito e em Portugal comemos muito pior do que aqui. Mais, um mês e meio é tempo mais que  suficiente para ter esperma totalmente novo. E ainda, quando cá cheguei e perante o primeiro resultado fui pesquisar e, mesmo não havendo dados conclusivos, comprei um suplemento vitamínico de omega 3, viamina D e DHA que poderia ter um efeito favorável na morfologia. Mal não fez, apesar de atribuir a melhoria do resultado maioritariamente ao nosso estilo de vida bem mais saudável do que em Portugal.

Aconselho a quem quer engravidar e possa ter alguma dificuldade a procurar um estilo de vida saudável, tanto para os homens como para as mulheres, ajuda na fertilidade de ambos e só traz benefícios.


Endometriose e infertilidade

Não andam necessariamente de mão dada mas, por norma, há uma redução de fertilidade. Quando me diagnosticaram após a cirurgia e visto ter ovulações irregulares e, por vezes, não ovular, foi-me aconselhado fazer IIU com estimulação.

Consiste em recorrer a hormonas para garantir ovulação, rastrear o desenvolvimento dos folículos, induzir a ovulação e depois inseminar in vivo (não in vitro) ou seja, colocar o esperma dentro do útero. Isto aumenta a probabilidade dos espermatozóides encontrarem o óvulo e eventualmente se dar fecundação. Depois é deixar o corpo seguir o curso natural...

É um método que, sendo artificial, é dos mais próximos possível do natural. Não há extracção de folículos dos ovários nem inseminação in vitro e posterior implantação no útero. Até certo ponto deixa-se o organismos tratar da maioria das coisas sozinho mas dá-se um empurrão inicial...


O povo é quem mais ordena...

Nunca devemos esquecer a nossa história. "Um povo que não conhece a sua história está condenado a repeti-la” (Edmund Burke citado por Ché Guevara)


Pior a emenda que o soneto


A sabedoria popular às vezes tem muito que se lhe diga e se nalguns pontos eu acho que não tem qualquer lógica, noutros até se consegue aplicar com sentido.
Ora passamos a vida preocupados com o que fazer com tanto plástico, que gera poluição nos mares e afins. Mentes brilhantes passam meses e anos a trabalhar esta matéria de forma a poder reutiliza-lá na indústria têxtil e afinal pode ser pior a emenda que o soneto!

Tomei conhecimento de um artigo de 2011 publicado numa revista científica que afirma que lavar têxteis que têm por base garrafas PET leva à contaminação da água com micropartículas de plástico. Partículas estas que são tão pequenas que escapam pelos sistemas de filtragem.

Ou seja, fazemos roupa com plástico e ao lavá-la voltamos a mandar tudo pelo cano abaixo acabando por criar poluição invisível e mais difícil de contornar...


E mais?

Outra prenda, também do maridão, foi comprar os bilhetes para o Varekai do cirque du soleil que fomos ver quinta-feira...
Os lugares eram excelentes! Gostei muito da produção, os artistas eram muito bons, pena só ter havido um problema técnico que nos deixou com menos uma actuação mas não faz mal... Gostei muito de ir na mesma.
Se classificar os 3 espetáculos deles que vi fica Kooza, Varekai, Amaluna.


E mais sobre os teus anos?

Comida que dava para um batalhão, e eu, como sempre, com medo que não chegasse.
Instax wide, muitas flores ( 2 ramos, 2 orquídeas e 1 bonsai), vales de compras, quadros, fios, chocolates e um vídeo com mensagens de parabéns com pessoas que não puderam estar presentes.

Foi fantástico!!!! O meu marido é o maior e a minha família é a melhor!

















E esse aniversário?

Pois quero lá saber da Páscoa... Eu não sou crente em coisa nenhuma mas agradeço os feriados de bom grado.
Este ano o domingo de Páscoa calhou nos meus anos. Ia receber a visita da minha mãe e avó. E lá fomos sábado, buscar as duas ao aeroporto. Chegamos a casa, entregam a prenda da minha irmã (sim que já passava da meia-noite), conversa para aqui e ali e a campainha toca.
Dirijo-me à porta e só vejo a minha prima, achei que vinha com os miúdos dar-me os parabéns. Abro a porta e à minha frente a cantar os parabéns estão o meu pai, irmã e sobrinha. Chorei que nem uma criança grande, pus toda a gente a chorar à minha volta... Só faltou o meu irmão, que com viagem comprada, teve de ir fazer um teste, fica para a próxima puto :*



Alguém fashion me consegue explicar?

Nunca fui fã das calças com manchas, lavadas, lixiviadas, com buracos nem nada dessas coisas.
As lavadas mais porque, por norma, realçam as coxas e assim e eu não preciso, de todo!

Agora esta moda das calças acima do tornozelo, a meio da canela e com a costura desfeita com farripas. Really????
Mas pior mesmo são as camisolas interiores por baixo de vestidos ou tops de alças, ui! Ou montes de folhos e blusas que se assemelham a bibes...

Já nem vou falar em ser tudo super largo e sem forma e uma pessoa bem constituída/ gordinha ficar mal com essas coisas, ao contrário do que muita gente acha! Mas a moda over sized já não é nova.

Nasci na era errada sem dúvida e, fora não conseguir achar bonito, é algo que não ajuda NADA a minha silhueta... As idas às compras tornam-se cada vez mais difíceis!

(fotografias retiradas da internet)